Lobetec

A traça do racemo, Lobesia botrana, (Lepidoptera: Tortricidae) é uma importante praga nos vinhedos e uva de mesa. Encontra-se amplamente distribuída na Europa e em outras partes do Oriente Médio, norte e centro da África e em algumas áreas do continente americano.
Normalmente existem três gerações ao ano, embora em áreas com condições climáticas favoráveis pode existir uma quarta geração. Os danos de maior importância são produzidos pelas larvas da segunda e da terceira geração. Os adultos iniciam o voo a finais de março até aproximadamente maio, embora a aparição dos primeiros adultos depende da temperatura da área. As fêmeas da primeira geração depositam os ovos nas inflorescências. As larvas neonatais penetram essas inflorescências e quando aumentam de tamanho produzem os típicos glomérulos, botões florais aglomerados mediante fios de seda. A segunda geração aparece durante meados de junho até meados de julho e a terceira acontece em agosto. As larvas da segunda e da terceira geração penetram nas bagas. Essas perfurações supõem a porta de entrada de outras infeções secundárias como fungos do gênero Botrytis e Aspergillus. As larvas da última geração passam o inverno em forma de pupa com diapausa induzida sob a casca da cepa ou outras zonas protegidas até à primavera seguinte.